segunda-feira, 25 de maio de 2009

Coisas que eu quis ter...


Hoje, atendendo um dos meus pequenos no consultório, ele reclamava para mãe que queria algo que ela negava. Lembrei-me da minha infância e fiquei pensando em tantas coisas que eu quis quando criança e dei boas gargalhadas. Muitas coisas eram absurdas, meio "Fantástico Mundo de Bobby", outras nem tanto. Porém, minha mãe sempre arrumava um jeito de me dizer não por infinitas razões, que na época parecia um decreto de algum déspota, hoje em dia, acho que ela sempre esteve certa em me colocar limites.

Ferrorama, autorama, chocolateria (já era gorda, fazendo chocolate em casa, ia terminar como o Jabba de Star Wars, mas quem disse que eu entendia isso?), um cachorro (que só fui ter depois dos 16 anos) e o que mais incomum de todos: um Hipopótamo! Depois de uma visita ao Zoológico, me apaixonei pelo bicho. Ai, como eu queria um na piscina Tone lá de casa! Chorei durante dias pq ninguém queria me dar, mesmo dizendo que iria cuidar, alimentar, dar banho, colocar pra dormir... enfim...

O mais legal de ser criança é que podemos sonhar sem nos acharmos ridículos... sem termos de esconder alguns desejos... apenas temos e falamos... sem nenhum filtro de lógica. "Ser adulto é muito chato", assim como disse o meu paciente, "vocês ficam mandando na gente e só dizem que a gente não pode nada", completou. Ele está um pouquinho certo.

De quando em vez, ainda sinto falta da ausência de filtro e ainda desejo o meu hipopótamo na piscina, mas prefiro guardar pra mim.

Beijos... até mais...

3 comentários:

Drix disse...

Piscina Tone...é verdade. Eu, imbecil, dei garfadas no fundo pra "ficar diferente"...e lá se foi minha piscina Tone lavando a rua...

Eriketa Erikinha disse...

Meus sonhos se limitavam a ter patins,bicicleta...patins eu ganhei,depois de anos insistindo,já a bike,vai vir só este ano,com meu proprio din din,já que estou treinando.rs

Bjinhos

Daniela disse...

Tiaaaaaaaaaa lembra q eu te contei q eu adorava elefantes? E que eu imaginava elefantes cor-de-rosa quando minha mãe cantava a tal musiquinha na hora do banho? KKKKKKKKKKKK Não, não, fique tranquila eu nunca usei drogas . Imagina se eu usasse...pqp...KKKKKK